1.6.06

Roriz - O censor do DF



Correio Braziliense foi censurado em 2002 a mando do Roriz

Às dez horas da noite de ontem (23.10.2002), o Correio Braziliense recebeu a visita da censura. Munidos de ordem judicial, o oficial de Justiça Ricardo Yoshida e o advogado da Coligação Frente Brasília Solidária, Adolfo Marques da Costa, entraram na redação do jornal com a missão de censurar toda reportagem que transcrevesse trechos de uma gravação realizada com autorização judicial e que relacionasse o governador Roriz com os irmãos Passos.

A decisão do desembargador Jirair Meguerian determinou a ..busca e apreensão, com arrombamento ou entrada compulsória, na sede, se houver necessidade.../de todos os exemplares do jornal Correio Braziliense, edição de 24.10.2002, desde que publique trechos ou a íntegra de conteúdo das fitas de gravação das conversas telefônicas interceptadas por ordem judicial...


Matéria do Correio Braziliense:
http://buscacb2.correioweb.com.br/correio/2002/10/24/

Leia mais no Observatório da Imprensa:
http://observatorio.ultimosegundo.ig.com.br/artigos/